25 de março de 2011

Tuas mãos

Nas tuas mãos apagaram-se os
relâmpagos
da minha'lma. A
claridade não mais
precede aos
ruídos da tempestade.
Aninho-me
sob o sol do teu toque.

Para H.



Imagem: George Disario/Corbis

23 comentários:

Gisa disse...

E fico protegida...
Um grande bj

Papoila - BF disse...

O aconchego que todos queremos
:)

Bjs

Sandrio cândido. disse...

Inês,
esta contradição deixa marcas que o senhor tempo não apaga.
beijos

sonho disse...

Mão que nos afagam...maos que nos magoam...
Beijo d'anjo

Sonhadora disse...

Minha querida

Quantas vezes queremos ficar apenas envoltas em nós...no nosso abraço, pelas mãos vazias.

Deixo um beijinho
Sonhadora

Danilo Castro disse...

Isso é imagético e sonoro.
=]

MLiz disse...

Inês...

Um beijo!

Luz e amor!

Velejando em Alto Estilo disse...

Simples, mas significativo por demais...

Quanto à imagem de meu blog, costumo retirar da internet, se possui autoria eu coloco, caso contrário, fico sem saber de quem seja, como é o caso daquela.

Beijos e bom domingo,

Herberth disse...

uMA MANIFESTAÇÃO DE AMOR

AC disse...

Há toques que suavizam, tranquilizam...

Beijo :)

Cadinho RoCo disse...

No toque a magia de calor mais que envolvente.
Cadinho RoCo

Rosinha disse...

Que assim seja sempre.

Valeu Bela Ines!


xero e domingo e semana de paz.

Juliana Lira disse...

Que lindo, lembrei que uma vez me senti assim, é triste imaginar que as mãos que apagaram os relâmpagos da minha'lma não existe mais...

Milhões de beijos

UIFPW08 disse...

Quem sabe quanto tempo devo esperar
quem sabe quando eu vou encontrar suas mãos na minha
sabe que, se um dia eu vou encontrá-lo
Ainda esperando por eles para sonhar
onde o mar termina

Beijos meus
M.

Danilo Castro disse...

Inês,

Esse espetáculo que me refiro no meu blog é apresentado há 6 anos pelo nosso ator cearense Julio Adrião. Certamente ele já deve ter tido temporads no Rio, mas se eu souber que ele está de novo por aí, pode deixar que lhe aviso!

Beijo!

Maria Marluce disse...

O toque de uma mão em outra mão passa a energia necessária para nos sentirmos cada vez mais humanos.

guímel disse...

Um acalento para a alma...
Qdo tocada reflete a troca é realizada.

Bjsss

Magna Santos disse...

E qual o nome: paz! Só falta Taiguara cantar: "quando estou nos branços teus..."

Magna Santos disse...

Esqueci de deixar-te um beijão, pescadora.
Fique com Deus!
Magna

Duarte disse...

O que pode transmitir o deslizar duns dedos, um apertão de mãos, ou um beijo, percepções que à alma aligeira...

Os meus beijos buscam os teus beijos.
O meu corpo as tuas mãos.
Caricias que percorrem o meu corpo,
Como lábios que inundam a minha boca;
Dando sentido ao meu ser,
Fazendo prazenteiro o meu viver.

Beijinhos e uma caricia, querida amiga

Duarte disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Duarte disse...

O que pode transmitir o deslizar duns dedos, um apertão de mãos, ou um beijo, percepções que à alma aligeira...

Os meus beijos buscam os teus beijos.
O meu corpo as tuas mãos.
Caricias que percorrem o meu corpo,
Como lábios que inundam a minha boca;
Dando sentido ao meu ser,
Fazendo prazenteiro o meu viver.

Beijinhos e uma caricia, querida amiga

Duarte disse...

O que pode transmitir o deslizar duns dedos, um apertão de mãos, ou um beijo: percepções que à alma aligeira...

Os meus beijos buscam os teus beijos.
O meu corpo as tuas mãos.
Caricias que percorrem o meu corpo,
Como lábios que inundam a minha boca;
Dando sentido ao meu ser,
Fazendo prazenteiro o meu viver.

Beijinhos e uma caricia, querida amiga