12 de março de 2014

Apelo



na outra margem da noite
o amor é possível
— leva-me! —
leva-me entre as doces substâncias
que morrem cada dia na tua memória

Alejandra Pizarnik
O Olvido                                                                                                                                Derrame-se sobre mim
o brilho desta manhã
de esperança azul.
A noite foi só
ausência de luar.

Apelo



4 comentários:

Mar Arável disse...

Para lá do azul
no ciclo das marés

UIFPW08 disse...

Magic momemts..
beijops meus I.
Morris

Adri Aleixo disse...

Um recolhimento isso aqui Inês. Gosto tanto :)

Beijos!

Duarte disse...

Textos que a imagem recolhe... belo!
Um grande abraço