15 de fevereiro de 2009

A árvore




 











Chegaste
com a tua tesoura de jardineiro
e começaste a cortar:
umas folhas aqui e ali
uns ramos
que não doeram…

Eu estava desprevenida
quando arrancaste a raiz.

Yvette K. Centeno



até para podar é preciso delicadeza



Imagem: Mawá


40 comentários:

Pelos caminhos da vida. disse...

Sábias e belas palavras.

beijooo.

fred disse...

Ótimo poema

O Profeta disse...

Construí um abrigo no deserto da emoção
Os vales são as ruas de um Deus
Fecha-se a alegria da terra
Um último olhar de amor, solto dos olhos teus

Na noite tudo se perde
Mora a sombra, o desvario
A indomável vontade do amor
Tem a força de um Rio


Bom domingo


Mágico beijo

mdsol disse...

Oh minha querida Inês:
Que poema delicado e sábio...
Sempre muito bom voltar aqui.
Beijinhos do lado de cá

:)))

Fábio disse...

muito bom o poema!
parabens pelo blog!

UIFPW08 disse...

Ines por onde navega a minha canoa
io dove sono?

Ti voglio bene Ciao

susaninha disse...

Olá Inés gostei muito do teu poema

Boa semana

Bejos

Que um anjo te ilumine

LUiA disse...

Eiii! Bom domingo!

Hoje, com este horário de Deus, o tempo insiste em não passar...
Tal qual para esta árvore!

Às vezes recebemos sinais que coisas e/ou pessoas deixarão de existir e, ainda assim, somos pegos de surpresa...

Eu quero ser semente e me plantar em algum lugar
Posso até criar raízes
Se neste lugar eu me aconchegar

Abraços de LUiA

Shakti disse...

Belas palavras...

bj

Andrea B. disse...

Quanta sensibilidade Inês...a imagem, o Poema...lindos!bom ler e estar aqui sempre...;) Bjos pra ti, uma excelente semana...;)

Milla disse...

Sempre estamos desprevenidos... Mas a verdade é que eu ainda não sei se isso é bom ou ruim...

Bjs!

Maria disse...

Olá. Encontrei vc no blog da Renata Dias. Li , gostei e pretendo voltar.
Convido vc para quando puder fazer-me uma visitinha ao meu blog de poesia e reflexões.
Um abraço
Maria

o endereço do meu blog:
http://donapoesia.blogspot.com/

«« ڱemöґïvö »» disse...

Nossa, muito profundo isso.
Se nao eh jardineiro, entao que deixe para outro podar! XD

Muito bom, adorei!!!!!

Beijos

Sonia Schmorantz disse...

Poema profundo, diz muito mais que as palavras ali colocadas. Muito bom.
beijo

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Ah! Tempo!
Nunca quis voltar em ti.
Apenas espero que me devolvas
os sentimentos que vivi.
Não deixes que meu sorriso
se perca pelo cansaço
e que minha voz
se cale por um fracasso.
Não deixes que meus caminhos
se desviem da meta
nem que os percalços
sejam maiores que minha força
para que eu siga esta reta.

Passei neste lindo espaço para te desejar uma linda semana
Abraços

Juani lopes disse...

tus palabras como siempre llenas de intensidad
saluditos

Betânia Lisboa disse...

Minha querida Inés,
que lindo poema.
Desejo-lhe uma ótima semana.

Gerly disse...

Uau!

:o)

Beijokas!

Márcia(clarinha) disse...

quanta dor...quanta.

lindo dia flor querida
beijos

Victor Oliveira Mateus disse...

Um belíssimo poema de uma grande
senhora das letras desta terra...
e que não tem a divulgação que merece, facto que já não me surpreende!
Um bj, Inez!!!

paula barros disse...

Com certeza que sim. E mesmo que não aranque a raiz, pode matar, por podar demais.

(Falando em podar demais, me lembrei podar demais é sufocar a essência, é matar o espírito)

abraços

Babes disse...

... E quantas vezes, voltamos a florir, e continuamos desprevenidas...

Eternas crentes de "jardineiros" insensíveis...

Beijo meu, querida Inês

Xana disse...

Essa doeu Inês, bem profundo...adorei!!
mil beijinhos e boa semana

Pelos caminhos da vida. disse...

Olá Inês!

O que será que esta acontecendo que vc não esta conseguindo entrar no meu blog(fiquei preocupada amiga),mais tarde vc tenta de novo e me da um toque ok?

Obrigada pela visita,estav com muitas saudades de vc.

beijooo.

Duarte disse...

Estilo e leveza... num corpo a voar...!

Para tudo é preciso delicadeza mas, sobre tudo, no jardim da vida, para tratar a uma DAMA.

Beijo-te com delicadeza

Cadinho RoCo disse...

Tem gente que abusa no corte, ou na poda.
Cadinho RoCo

Mysterious Ways disse...

É verdade !

Quando vemos, já nos entregamos de corpo e alma.

Cuudado, muito cuidado !

Branca disse...

Precisa muita delicadeza pra podar...belo post!


Passando pra te desejar uma ótima semana,

bjos!

Luiz Caio disse...

Oi Inês! Como vai?

O mal que nos atinge em cheio, vem de onde menos esparamos... Quando vem de algo, ou alguém distante, naturalmente já estamos com um pé atrás. Então somos, apenas, parcealmentes afetados...

AS FLORES E AS CORES, TAMBÉM ME PARECEM SER UM BOM SINAL... SINAL DE QUE TODOS OS SONHOS SÃO REALIZAVEIS, E QUE É PRECISO TER PACIÊNCIA!

TENHA UMA ÓTIMA SEMANA!
BEIJOS.

Fabiana Guaranho disse...

Inês, lindas e singelas palavras.
Obrigada também pela visita em meu blog.
Fico felicíssima em saber que existem pessoas como você que a muito veem cuidando desse nosso planeta tão necessitado de atenção.
Espero encontrá-la mais vezes nestes nossos espaços, e por falar nisso tomei a liberdade de acompanhar seu blog, é ótimo.
Bjs no coração

manzas disse...

Entrar aqui, na tamanha beleza
Numa pagina que fermenta harmonia…
É sonhar acordado e voar na leveza
De poetizar tudo… porque tudo é poesia

Uma semana de paz e alegria…

O eterno abraço…

-MANZAS-

~pi disse...

sobretudo aí

e vontade de ser árvore,




beijo, inês :)




~

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA INÊS, TENHO ANDADO COM TRABALHO ATÉ AOS CABELOS... DESCULPA AMIGA SÓ AGORA, PASSAR POR AQUI... A POSTAGEM ESTÁ UMA MARAVILHOSA DELÍCIA... UM GRANDE ABRAÇO DE CARINHO,
FERNANDINHA

Pelos caminhos da vida. disse...

Que bom que vc conseguiu entrar no meu blog.

Tem selinho pra vc amiga.

beijooo.

JIME disse...

Como disse o Cazuza, "A vida é bela e cruel despida,
Tão desprevenida e exata, que um dia acaba..."
Beijos.

Avid disse...

E assim se morre...sem antes anunciar o ultmo suspiro. Distraccoes.
Bjs meus

Xana disse...

Inês tens selo lá na minha tasquinha :)

Ane disse...

É como!!Delicadeza é tudoo!!
Um grande abraço e bom carnaval pra vc!

•.¸¸.ஐBruneLLa França disse...

Obrigada por tua delicadeza maravilhosa, Inês!
beijos e borboleteios

mundo azul disse...

__________________________________

Na vida devemos estar sempre atentos... Mesmo quando sob o domínio da paixão!


Beijos de luz e o meu especial carinho!!!

__________________________________