3 de maio de 2010

Os rios de mim












 









Corre um rio de minha boca
Corre um rio de minhas mãos
Dos meus olhos corre um rio.

Na verdade sofro de excessos,
Que me dão certo vocabulário.
Como derramar. Escorrer. Atravessar.
Tenho a impressão de que
tudo vaza em sobras.

Tenho dificuldade em caber.

Viviane Mosé
Rios - do livro Desato


Imagem: Joseph Hancock

22 comentários:

Juliana Lira disse...

Nem o mar seria sufiente para conter o rio da alma...

Milhões de beijos

Whispers disse...

Querida,
O maior rio, o rio que transporta as emoções.
Desejo que tenhas uma boa semana
Mil beijos
Rachel

VANUZA PANTALEÃO disse...

Até breve, querida!
Estou gratificada e feliz por termos retomado nosso diálogo.
Voltarei para que os nossos rios possam correr juntos para o mar.
O nosso carinho mais profundo!!!

Márcia disse...

O rio que corre em mim desagua saudade...choro
beijos doce flor

On The Rocks disse...

"tenho dificuldade em caber" é forte. me diz muito.

até parece um buenas da vida... - rsrss

bj

Pelos caminhos da vida. disse...

O rio de nossos sentimentos.

Bom dia amiga.

beijooo.

sonho disse...

Esse é o rio da nossa vida...
Beijo d'anjo

Moonlight disse...

Querida,

Um rio enorme e grandioso de sentires onde desagua a nossa vida.

Bjinho cheio de luar

Luiz Caio disse...

Oi Inês! Como vai?

O exesso é sinal de descontrole... E o descontrole é sempre um mal sinal!

TENHA UMA LINDA TARDE!

Beijos

UIFPW08 disse...

Eu estava no fundo do mar, de modo que podemos sonhar
Eu estava entre os melhores sunsets para continuar voando
Atravessei dom rodovias e achei que você
agora .. o azul há sempre você.
Maurizio

Hod disse...

Voce fluí Ines,
E que o sol amanhã quando nascer ai nessa porção do atlantico te encotre fluindo em paz e alegria.

Beijos Para Inês.

Magna Santos disse...

Seria redundância dizer da beleza de tudo isto. Seria redundância dizer da maravilha deste rio. Mas, como não dizer, se também me escorre na alma uma satisfação, quando meus olhos deitam em palavras transbordantes.
Ah, Inês, você é uma pescadora a nos mostrar belezuras para nos saciar a sede da alma.
Beijos!
Magna

Liz disse...

Muitas vezes tenho este sentimento de não 'caber-me'. Este corpo que me abriga, muitas vezes se faz prisão para a alma...
... e saibas, que teu olhar à vida não é diferente do meu... vc só usa as poesias para expressar a beleza de teu coração, assim como tantos poetas, os quais citas...

Um beijo.
Liz

Branca disse...

Um profundo sentir...

Bjo amiga e uma boa semana pra vc!

Lis. disse...

É querida Inês,

já passei pela situação de não caber, e resolvi quando estendi o meu vocabulário, porque há vezes em que não cabe romantismo no meio de uma situação ou complicação.

Outro dia eu estava sentado no trono, e olhando ao lado perguntei a mim mesmo: Cadê o papel higiênico? Foi alguém que usou e não repôs...

Agora perguntou: Onde está o sentimento de amor ao próximo? Amai o próximo como a ti mesmo? Há vezes que a gente não cabe em si de tanta raiva. rsr

Cumprimentos!

Sammyra Santana disse...

eu tb sofro de excessos e tenho dificuldade em caber...

suuuuuuuper me identifiquei!
rsrs

Saudades de vc, Inês!
Beijooooooooo

Secreta disse...

O rio da vida, que nos corre por todos os poros.
Beijito.

Caroline. disse...

Nossa muito bom " Tenho dificuldade em caber" PERFEITO
Beijão =*

Duarte disse...

A arte na eleição da imagem e dos títulos... tens-me maravilhado! Fascinas-me!!!

Tenta fazer com que caiba...

Um abraço e alguma meiguice, sem excessos...

mundo azul disse...

__________________________________


...bonito, bonito!

Obrigada, pela partilha!!!


Beijos de luz e o meu carinho...

_________________________________

Magna Santos disse...

Pois bem, pescadora, já tem sim novo texto.
Obrigada.
Beijos!
Magna

UIFPW08 disse...

perdoar Ines.

Beijo
Morris