19 de junho de 2008

Infinitamente




Chamo-te porque tudo está ainda no princípio
E suportar é o tempo mais comprido.



Sophia de Mello Breyner Andresen
Chamo-te



Google Imagens
(desconheço o autor)

8 comentários:

Márcia(clarinha) disse...

Não suporto nem pensar em ter que esperar...
dia lindo flor
beijos

Papoila disse...

Bom dia...
São tão bonitos os sentimentos que por aqui leio.
Chamas-te.. e, eu vim.

Vou ficar ausente do Pc por quase duas semanas. Bons sentires.

Beijos
BF

Paradoxos disse...

Lindo,muito lindo mesmo!!!

Renata Christina disse...

Sophia é singular! Muito bom reler seus escritos. Bjs.

:: Daniel :: disse...

Essa é a tatuagem que quero fazer. Falta-me só a coragem.

Abs!

Beautiful Stranger disse...

incrível como uma imagem nos diz tanto e ao mesmo tempo nos faz repensar...

;D
http://strangerbeautiful.blogspot.com/

Poesia! disse...

bom dia!
gosto muito do sua pagina!
sou adm. do blog “o fogo anda comigo”(thefirewalkswithme.blogspot.com).
o blog tem como ideal um SARAU AMPLIFICADO onde TODOS divulgam suas ideias e, o principal, poemas.
gostaria de ser um parceiro seu!
OBRIGADO!
ofogoandacomigo@yahoo.com.br

Carlos César Pacheco disse...

procuro formas de me in-completar

por vezes os dias passam sem memória
outras vezes, vestem-se de cor

/ ou somos nós que os vestimos?