21 de agosto de 2008

Depois
















E agora se inicia
a pequena vida
de uma sobrevivente da catástrofe do amor.
...
Acabo de nascer
do terrível parto do amor.

Já não amo.

Agora posso exercer no mundo
Inscrever-me nele
Sou uma peça a mais da engrenagem.

Já não estou louca.

Cristina Peri Rossi

Depois

Imagem: Amanh'ser


36 comentários:

Thiago Ya'agob disse...

Inês,
Gostei da imagem “Depois”.

Isso falou por si só.
Li o texto, mas o que me cativou foi o “Depois”.

Depois que ela se foi minhas manhãs se converteram em luto.
Meu regozijo em pranto e minha visão em cegueira.

Estou vendo uma fresta de luz bem ao fundo... Bem Depois daquela esquina.

Acho que ainda ninguém observou com a mesma intensidade que eu.

Se olhassem, poderiam ver que mesmo na escuridão, a chama dela nunca deixou de clarear e aquecer meu ser.

Beijus, princesa.

Obs.: Irei re”e”sponder ao e-mail.
Gostei muito da forma que me respondestes.

Shalom.

paula barros disse...

As vezes o amar nos leva a loucura.
Umas loucuras boas..
Outras enlouquecedoras realmente.
E ao terminar é uma sensação de alívio.
Bela escolha.
abraços

"O Autor", disse...

Depois,

Não retorno mais quando ela chama no celular.

Shakti disse...

Depois é sempre uma palavra de difícil decifra...

bjs

Tamara Mayfair disse...

O "depois" é a certeza, que nem sempre é o esperado para os nascidos de amor, para o amor....

Nina disse...

às vezes é a loucura que nos trás à realidade... é contraditório, mas ninguém disse que a vida tem que ser lógica não é?

obrigada pelos parabens viu!

beijos, e um lindo dia!

Nanda Assis. disse...

dificil este, li duas vezes rsrs pra raciocinar bem.
bjosss...

Anônimo disse...

...oie Inês ..miguinha kerida
desculpa por ontem eu viajei....
eh q lembrei do meu bizavô
a casa com flores .. foi q
minha amiguinha tava do meu lado
aki e disse nuxaaa q casa e eu
respondi p ela escrevendo aki
ah vc conheceu meu bizavô??
liga nao amiguinha nao consigo
me concentrar com alguem do meu
lado falando..uma x fui enviar
e-mail cartinha p minha miguinha
rafhaela..e tok o telefone ..
eh a karol e fala oie aliny tdb?
e eu escrevo no e-mail td bem karol e terminei mandando bjihux p
karol..rafhaela me deu retorno mtt nervosa..qto so seu post de hoje
eh bonito .."DEPOIS" :)
Bjinhux

Márcia(clarinha) disse...

Pois eu fiquei mais insana depois que o amor acabou...

lindo dia flor
beijos

Tatá disse...

Ainda tenho amor dentro de mim...pulsando...não gosto de pensar no depois...vivo o agora!

Beijos

Monique Lôbo disse...

"Sou uma peça a mais da engrenagem"
Eu sou,mas bem que não queria ser.
Adorei o poema,como sempre perfeito!
Bjusss

João da Silva disse...

Que haustos de beleza se aspiram aqui, Inês! E eles podem nascer da dor ou da alegria, mas sua alma-poesia os transforma em flores.
Não sei por quê, lembrei Gandhi: "Sê como o Sândalo, que perfuma o machado que o fere."
Beijos carinhosos do João

Carol disse...

Brigada pelos suas palavras no meu blog! Elas chegaram para me aliviar!
Ultimamente tô muito triste em relação ao " amor", e esse seu post mexeu muito comigo...
Eu estou na fase do amor, ainda amo e ainda me sinto uma "louca" muitas vezes...
Bjos!

jota disse...

Obrigada pela visita, não apareci antes por falta de tempo mesmo.
Ando aterefado d+ com a campanha de vacinação. Seu blog é maravilhoso e quero continuar sempre contando com seus comentários inteligentes. Por favor não me abandone menina(rs,rs,rs)

bj pra vc!

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

Depois...
Quanta dúvida numa palavra.
Ah... mas como vale a pena!

Beijos Inês...

amo os textos que você seleciona pra postar!

Bill Stein Husenbar disse...

A palavra "depois" implica o nascer de uma nova fase da nossa vida. É sempre dificil voltar a erguer um castelo moldado à nossa imagem...

http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

Diva disse...

primeiro ficamos cativos da imagem e DEPOIS do texto. O final e perfeito.
Bjs meus

Camila disse...

UI.
SERVIU COM UMA LUVA EM MINHA SITUAÇÃO AMOROSA ATUAL.
BEIJOOO

Pelos caminhos da vida. disse...

Meu amor já acabou.

bom fim de semana.


beijooo.

Lica Veríssimo disse...

Que lindo o teu blog.
As poesias,as imagens. Muito bom !
Poderia colocar teu blog dentre meus favoritos(link)?
Obrigada
Parabéns pelo blog.

Thefy disse...

Amor...ultimamente não sei bem o que é esse tal..acho que estou fugindo dele..rs
bjokas flor

lurdeskida disse...

• •*´¨`*•¸.•*´¨`*•*.•A AMIZADE NÃO REQUER GRATIDÃO,
•*´¨`*•¸.•*´¨`*•*.•*PRESENTES, COBRANÇAS, ETC.
•*´¨`*•¸.•*´¨`*•*.•*A AMIZADE REQUER APENAS QUE
•*´¨`*•¸.•*´¨`*•*.•NOS LEMBREMOS SEMPRE DE DIZER te adoro.
.----.
     _.“__   `. As vezes pedimos coisas para a vida
  -. (•)(•)   /#
“ @        /###que ela não tem como nos oferecer,
:        ,  #####
 `-..__.-“_.--###/ mas às vezes ela nos dá coisas
      `;_:   `“
     .““““““`.   que não sabemos como agradecer,
    /,      ,
   //       como ter tua amizade.
   `-.______.-“        
  ___`. | .´“___        
(______|______)  ♡ ►◄ ♡
♥ F ♥...az a tua vida valer a pena
♥ E ♥...scuta sempre teu coração
♥ L ♥...uta pelo teus objetivos
♥ I ♥...gnora o que te faz mal
♥ C ♥...entraliza az tuas metas
♥ I ♥...dealiza os teus sonhos
♥ D ♥...a mais de ti a ti mesmo
♥ A ♥...ma quem te ama
♥ D ♥...eixa de lado as coisas ruins
♥ E ♥...assim
♥ S ♥...erás feliz
bjocasssssssss cheias de amizade....
Oii kida recebi o recado da pipinha
e vim ten tar resolver ok,faço muito gosto nas suas visitas linda.

Vou colocar aqui os links dos meus blogues e ai você tenta aceder,tudo bem?
Beijinhos enormes e de coração.

http://coisasdalurdinhas.blogspot.com

http://pedacosdemim-lurdeskida.blogspot.com/

http://tachosepanelas-lurdeskida.blogspot.com/

http://lurdeskida-vamosfalardeamor.blogspot.com/

Assim que sou disse...

Dentre o bem e o bom do amor está o depois. Mas gosto mesmo da imagem do parto do amor, que sangra mas leva consigo o que já não mais nos pertence.

Gostei muito do texto. bjs. Veronica

~pi disse...

sim passamos estas mortes

sim

a caminho de nós mesmos

e por vezes

para descobrir

que o medo não é

o maior comando da vida.




beijo ~

Sonhos e Devaneios disse...

O amor e algo tao estranho, enlouquece quem o tem e quem deixa de ter...e depois......depois ficamos perdidos ate um novo amor.
beijos joao

João da Silva disse...

Inês(quecível), querida, passei apenas para deixar-lhe um beijo carinhoso e amigo. Você é mesmo especial.
João

Zek disse...

Se acabou de nascer do amor, com certeza está pronta para amar... com certeza tem o amor no olhar, tem sentimento no falar.
Deixa o amor de novo brotar!!

PS: Uma surpresa para vc no meu blog.

Beijos

NAELA disse...

Minha linda...que direi?
Que a escolha deste dizer foi magia!
Beijo doce

Milla disse...

Nascer do terrivel parto do amor, e não mais amar...

Por enquanto... A vida sempre surpreende. Só não sei ainda se isso é bom ou ruim.

Bjs!

Do Jeito Que Eu Sou disse...

Ines, como é doce suas águas...minha sede insaciável...estava com saudades de repousar meu barquinho entre suas águas....vai chegar o dia que serei o primeiro comentário (rsrs) to morando dentro do seu blog, aprendendo muito, crescendo muito.

A pequena vida sobrevivente da catástrofe do amor é a vida mais forte e renovada que existe...essa sobrevivente renasce de uma terrível dor do amor que acabara mas que renova-se.....é um amor tão constante que já nem parece amor, é parte, é vida intensa, louca.....tão louca que já é normal.......hoje sou parte do mundo louco, onde a loucura seria não morrer de amor......hoje sou uma engrenagem, uma peça fundamental pra fazer a diferença......depois...depois recomponho da minha loucura e sigo no terreno incerto do ate quando essa dor machucara...nessa concreta extensão fica a certeza que Depois é tarde demais para o amor.........o amor é o caminho ontem, hoje, amanha e Depois

grande bju com o carinho e admiraçao de sempre.....bom final de semana

Shadow disse...

Apenas uma palavra para ti, depois do que li.
Adorei!

Bjs,
Shadow

Everton Amaro disse...

- Você sempre estará louca

Águas de Março disse...

O depois sempre e inevitavelmente sempre dói.
amei vir aqui!

mia disse...

gosto tanto!

Uma vida toda para voce....

Parabens


♥♥♥besos♥♥♥

Cor de Rosa e Carvão disse...

Hummm... Meu filho é de burro, por nasceu, continuo amando, logo, não voltei à realidade. Mas tudo bem, não me arrependo de nada. Apenas queria estar junto dele nesse período. Bjo querida e bom final de semana. Elaine.
P.S.: Bom mesmo é rir em qualquer momento. Até nos mais difíceis. Chorar? Só de felicidade, sempre que possível.

jacker disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.